Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2015

Brincando de números

Por Genaldo de Melo Quando estamos em vias de acontecer irresponsavelmente um distúrbio social sem limites, e sem paralelo na história brasileira, ficam alguns beócios de todos os lados preocupados, simplesmente preocupados, em fazer estatísticas de quem colocou mais gente nas ruas, se o povo ligado ao mineiro-carioca tomador de dezoito anos, ou se o povo que avermelharam a Avenida Paulista.
É como se colocar gente nas ruas vai mudar alguma coisa enquanto Eduardo Cunha for o presidente da Câmara dos Deputados. Ora, em vez de se preocupar em ficar aumentando e diminuindo números, esses estatísticos de "mesa de bar" deveriam eles mesmos ocuparem as ruas, porque quem repassa as informações para eles são sempre apaixonados por algum lado.
Ninguém me venha prá cá com discursos tortos de que não tem lado, porque hoje no Brasil politicamente até os moradores de rua têm lado. Portanto, em vez de pensar números é preciso ocupar de fato as ruas, porque o discurso de quem colocou mais g…

A justiça é cega

Por Genaldo de Melo Quando toda a sociedade brasileira clama para que o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, seja definitivamente afastado da coordenação daquela Casa, o Supremo Tribunal Federal numa atitude literalmente estranha resolve que somente vai avaliar o pedido oficial da Procuradoria-geral da Republica de afastá-lo em fevereiro. É um verdadeiro disparate e um “tapa na cara” da sociedade brasileira. A Corte Suprema deveria em sã consciência respeitar a vontade das ruas, e respeitar a dignidade da soberania brasileira! Como pode em vez de resolver e decidir logo essa situação de um homem que a cada dia mais se comprova com fatos que é literalmente um corrupto, mas não um corrupto qualquer de “propininhas”, permanecer tanto tempo sem julgamento para que de novo de forma maquiavélica arme para sua permanência? Desconfio que de fato estejam querendo judicializar a política brasileira, e isso não é bom. Quando se coloca a política e administração sob a coordenação de …

Amigo de Aécio pega 20 anos de prisão por roubo

Por Genaldo de Melo Por mais que uma turma diga que em qualquer texto que a gente escreva, sobre o papel da mídia do Jornalismo da Obediência e sua parcialidade, tenha conotação política, mesmo que não estejamos defendendo teses partidárias, cada vez mais fica comprovado em “olhos nus” que essa mídia mesmo não tendo partido político escancarado e assumido, tem lado sim.
Quando virou proselitismo sensacionalista a AP 470 começou uma verdadeira carnificina de reputações no Brasil, porém apenas dos amigos de Lula, que apresentou na prática um projeto de sociedade que tanto as classes sociais superiores economicamente ganharam dinheiro, como houve distribuição de renda com o intuito de diminuir as disparidades nas relações econômicas no Brasil.
O mais demonizado foi exatamente o mentor político da esquerda brasileira na época, José Dirceu. O derramamento de “sangue político” dele foi de uma magnitude tamanha, sua reputação foi colocada em situação pior de que assassinos profissionais e ladr…

Turma de FHC rouba Petrobrás

Por Genaldo de Melo A Operação Lava Jato, de Sérgio Moro, preocupada apenas na corrupção da Petrobrás nos governos do PT, esqueceu propositalmente de investigar também nos governos de FHC, então outras investigações foram feitas para descobrir também desmandos do passado. A Operação Sangue Negro  que está sendo realizada nesta quinta-feira (17/12) pela Procuradoria da República do Rio de Janeiro com a Polícia Federal cumprindo 9 mandados judiciais assinados pelo juiz Vitor Barbosa Valpuesta, substituto no exercício da titularidade da 3ª Vara Federal Criminal, atinge negociações feitas entre a Petrobrás e a empresa holandesa SBM na época do governo tucano de Fernando Henrique Cardoso (1997). O p

Dilma aconselha jovens visita ao Google para ver quem é bandido

Por Genaldo de Melo Durante a 3ª Conferência Nacional da Juventude que aconteceu ontem em Brasília, a Presidente da República Dilma Roussef, deu um dos mais contundentes discursos em defesa de seu mandato, presenteado democraticamente nas urnas por 54 milhões de cidadãos brasileiros conscientes da continuidade do projeto que ela representa. Para ela os seus opositores que perderam nas urnas querem a qualquer custo chegar ao poder pela via do assalto à democracia plena, inventando motivos que não existem, pois como exige a lei do impeachment para isso, deve-se haver premissas jurídicas de impedimento de seu governo como querem. Dilma comparou a sua biografia com a de adversários políticos. "Sabem que têm de usar de artifícios porque não conseguirão nada atacando minha biografia, que é conhecida. Sou uma mulher que lutou. Amo meu país e sou honesta. Além disso, não compartilho com algumas práticas da velha política que alguns deles professam. O mais irônico é que muitos que querem i…

Recado à ímpia eugenia de meu Primo

Por Genaldo de Melo As civilizadas prerrogativas da convivência rezam que o discurso retumbante e raivoso de quem perdeu as eleições em outubro último, não pode, e não deve jamais ser, mais forte ou mais superior ao silencioso exórdio da democracia plena na prática. Se assim for, sucumbiremos na mais profunda necessidade de algumas almas raquíticas que acham que não somos soberanos e livres em pleno século vinte e um, pois devemos como se por condições e natureza sermos governados, e literalmente domesticados como personagens do “Admirável Mundo Novo” de Huxley, por alguns poucos indivíduos que leram de forma torna Nietzsche e Maquiavel.
Devemos e temos que, mesmo não concordando, conviver com o discurso contrário ao nosso, porque isso, e somente isso, é a prerrogativa mais forte e necessária da democracia. Se não houver disputas de idéias na convivência democrática necessariamente deixaremos de ser humanos pra sermos verdadeiros animais, e não robôs, porque animais sentem e robôs não.

OI Futuro lança edital de apoio a projetos culturais de organizações da sociedade civil

Por Genaldo de Melo Estão abertas as inscrições para concorrer ao edital público do instituto OI Futuro, da empresa de telefonia móvel Oi. A concessão de patrocínio financeiro será incentivado pelas Leis Estaduais de Incentivo à Cultura.  A Seleção Nacional de Projetos Culturais 2015/2016, é voltada a projetos inscritos por pessoas jurídicas e apoiados por Leis Estaduais de Incentivo à Cultura em todo o Brasil. O edital busca estimular novas linguagens artísticas, apoiando criações que proponham e promovam o cruzamento entre arte, ciência e tecnologia, e a convergência de meios e de suportes. Além de reconhecer e valorizar a diversidade cultural brasileira e democratizar o acesso à cultura. Podem participar somente pessoas jurídicas proponentes de projetos culturais. As inscrições estarão abertas até às 17h00 do dia 21 de janeiro de 2016. Para saber mais e acessar o edital completo, além do formulário de inscrição, clique aqui.

Frente Nacionalista, a nova maluquice no Brasil

Por Genaldo de Melo Recentemente um fato diferente para os padrões do pensamento político brasileiro vem chamando atenção. O fato em relevância foi a criação em abril último de um grupo organizado denominado de Frente Nacionalista (FN). O que chama mais atenção nesse grupo caracterizadamente de princípios fascistas são de fato as idéias de Benito Mussolini e Plínio Salgado. Em seu programa, existem todos os elementos do fascismo: a veneração ao Estado, a devoção a um líder forte, o combate ao “perigo comunista” e a ênfase ao ultranacionalismo.
Criada em abril de 2015, a entidade já possui mais de dois mil filiados. O objetivo da Frente Nacionalista Brasileira é juntar documentos e assinaturas para se tornar um partido político, podendo assim disputar eleições.
Entre as bandeiras defendidas estão a redução da maioridade penal para 15 anos, a privatização do sistema penitenciário, a prisão perpétua, a pena de morte para corruptos, o fim da imigração, a criminalização de símbolos comunista…

Deputados faltaram com respeito aos baianos

Por Genaldo de Melo Pelos prognósticos de pesquisa recente do Datafolha em que 81% dos entrevistados querem que Eduardo Cunha deixe a presidência da Câmara dos Deputados, pode-se inferir com toda certeza que grande parcela dos 312.084 cidadãos baianos que votaram nos três deputados federais que tentaram absolvê-lo no Conselho de Ética (125.605 votaram em Cacá Leão, 111.643 votaram em João Bacelar, e 74.836 votaram em Erivelton Santana), devem está literalmente decepcionados e com vergonha do que fizeram diante das urnas em 2014.
Quando todos os espaços de mídia estão a cada dia mais apresentando todos os tipos de falcatruas coordenados por Eduardo Cunha, os três deputados numa clara falta de respeito com os baianos deram as suas bênçãos ao mesmo com os discursos mais estapafúrdios possíveis.
Dizer que a atitude dos onze deputados que respeitaram o povo, e colocaram na mesa o processo de investigação é um ato inconstitucional é no mínimo brincar com nossa inteligência para não falar mai…

Os degenerados que estão no ataque

Por Genaldo de Melo Cada vez mais vivemos do ponto de vista político apenas da esperança de que outras gerações possam conhecer políticos honestos e capazes de como homens públicos orgulhar seus eleitores. Porque estes políticos que temos hoje em sua grande maioria são verdadeiros cínicos e vivem apenas do discurso torto de que vão sempre defender a luta e o combate à corrupção, mas na realidade são eles próprios que estão cada vez mais açodados no roubo e na própria corrupção.
É uma verdadeira vergonha observarmos que a grande maioria dos deputados que estão em combate direto contra o Governo de Dilma Rousseff, quase todos eles estão sendo acusados de alguns desvios de conduta política. Como fizeram alianças espúrias com a mídia do Jornalismo da Obediência estão impunes de todo e qualquer dedo indicador apresentando seus erros e falta de moral.
Dos 61 deputados que foram eleitos para conduzir a Comissão que analisará o pedido de impeachment ao menos 20 respondem a inquéritos (investigaç…

Mulher e filha de Cunha podem ser presas

Por Genaldo de Melo Segundo a colunistaMônica Bergamo, depois que fez todas as asneiras possíveis, utilizando e com apoio da mulher e da filha, o “Senhor dos Anéis”, presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, agora demonstra tremendo medo de que ambas sejam presas por ilícitos compartilhados entre ambos, já que elas não gozam de foro privilegiado como ele como parlamentar e presidente da Câmara. Um dos maiores temores de Eduardo Cunha (PMDB-RJ) é que a Justiça determine a prisão de sua mulher, Cláudia Cruz, que tem conta em seu nome na Suíça, e da filha do casal, Danielle Cunha, que aparece como dependente em documentos bancários no exterior. Deveria ter pensado antes de pegar dinheiro público através de propina se sabe que desvios políticos no Brasil nunca foram eternos, pois uma hora tudo vem à público pelas próprias prerrogativas do funcionamento do mundo político e suas disputas. Se erraram que arquem então com as conseqüências, porque dinheiro público é público, é do povo …

Tomaram vergonha, finalmente!

Por Genaldo de Melo Depois de tanta repetição goebbelsiana da parte da Rede Globo de Televisão, num massacre quase que absoluto contra o governo de Dilma Rousseff, ontem pela primeira vez parece que Ali Kamel resolveu orientar sua turma para mudar o foco num franco tiroteio para o “Senhor dos Anéis”, o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha.
Literalmente resolveram que o inimigo a ser abatido era ele, pois foi quase que todo o Jornal Nacional para falar mal daquele senhor. Não fizeram mais do que a obrigação com o povo brasileiro, pois estamos vivendo num dos momentos mais vergonhosos de nossa jovem República, com um homem literalmente considerado por todos como um verdadeiro criminoso, com inclusive a Polícia Federal visitando suas residências para procurar as provas de seu crimes, na presidência de um dos Poderes da República.
É demais para se acreditar nisso, mas a Rede Globo resolveu derrubar o homem que tanto defenderam no passado. Mas seria demais também não fazer isso…

Vereadores vão perder mandatos em Feira de Santana

Por Genaldo de Melo Excelente esta idéia da formação de um “chapão” governista em Feira de Santana para candidatos a vereadores entre aqueles que já detém mandatos, secretários municipais com lastros eleitorais concebidos pela própria estrutura de que dispõem, bem como com nomes que têm capital eleitoral maior do que outros. 
Excelente a idéia porque quem a pensou sabe muito bem que naturalmente nas urnas alguns desses vereadores que só fizeram brigar entre si na Câmara de Vereadores perderão seus mandatos para surgirem outros com outras prioridades para negociar. E quem gosta de política quer novos ares e novas formas de negociação, além daqueles que com o tempo cansam.
A idéia também é boa para alguns nobre candidatos que querem chegar pela primeira vez na Casa da Cidadania, porque numa chapa com 18 candidatos já com mandatos não se elegem exatamente os 18, ficarão de fora em torno de cinco ou seis nomes para entrarem outros. Isso também pode ser bom para que a oposição possa apresenta…

Estamos degenerando politicamente

Por Genaldo de Melo Parece que estamos vivendo num país de “faz de contas”. Como é que pode está acontecendo um inusitado dessa natureza, em que vemos pela primeira vez nessa nossa geração um presidente da Câmara dos Deputados por causa de seus erros e maracutaias ter sua casa invadida pela Polícia Federal para procurar documentos que provem seus crimes, autorizado pelo Judiciário brasileiro.
E pior de tudo é que não é assunto de filme de mafioso americano não, é de fato o presidente da nossa Casa Legislativa “brasileira” sendo literalmente investigado pelos mau-feitos contra a coisa pública! E o homem continuar na presidência como se fosse o fato mais normal do mundo é uma verdadeira degeneração de nossa política brasileira.
E pior ainda protagonizando uma investigação contra Dilma Rousseff, quando não é ela que está no olho do furacão. Que país é este? Que vergonha para o Brasil ter que suportar gente dessa natureza, e no poder político da nação!