A crueldade de Cunha começa a funcionar, somente será parlamentar na próxima eleição quem for dono de partido!




Por Genaldo de Melo
 Gustavo Lima / Câmara dos Deputados:
Quem negociou outras coisas políticas ontem sem muita conversa com demais pares deve colocar as barbas de molho, por que naquele Congresso Nacional a maioria é formada de putas e não de freiras! Acaba de ser  aprovado no Plenário da Câmara dos Deputados, por 369 votos a 39 e 5 abstenções, a cláusula de desempenho segundo a qual o acesso dos partidos aos recursos do Fundo Partidário e a tempo gratuito de rádio e TV dependerá da eleição de, ao menos, um representante em qualquer das Casas do Congresso Nacional. O partido também deverá ter concorrido com candidatos próprios à eleição para a Câmara dos Deputados. Esse texto faz parte do relatório inicial do deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ) para a Proposta de Emenda à Constituição da reforma política (PEC 182/07). Atualmente, o acesso é disciplinado em lei e garante o rateio de 5% dos recursos do Fundo Partidário a todos os partidos políticos com registro no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Os outros 95% são distribuídos segundo a votação obtida para a Câmara dos Deputados. Após a votação sobre a cláusula de desempenho, a sessão do Plenário foi encerrada. Outros temas da reforma política serão retomados em votações nas próximas semanas. Falem os pequenos partidos e seus donos para o povo que assiste a rede Globo e não está acompanhando o debate dessa reforma política mentirosa!

Comentários