Depois da vitória com Fachin Dilma pode aprovar tranquilamente Ajuste Fiscal

:
Depois da importante vitória do governo Dilma no Senado, com a aprovação do nome do jurista Luiz Fachin para o Supremo Tribunal Federal, a Câmara dos Deputados irá apreciar a parte mais importante do ajuste fiscal proposto pelo ministro Joaquim Levy, que prevê o fim das desonerações fiscais na economia; "é com o projeto que reduz a desoneração da folha para 56 setores econômicos que Levy pode obter uma boa economia, entre as medidas que dependem de aprovação congressual: cerca de R$ 5,35 bilhões", informa a colunista Tereza Cruvinel; "Sua preocupação é a seguinte: quanto menor for a economia obtida com as medidas que dependem do Congresso, maior terá que ser o corte nos gastos do governo para garantir o prometido superavit primário de 1,2% do PIB – mais de cem bilhões de reais"; segundo Tereza, hoje o governo dispõe de uma base bem mais coesa do que há 30 dias. (Com informações de Tereza Cruvinel)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ACM Neto pode não ser mais candidato nas próximas eleições na Bahia

A Globo agora anuncia a incrível piada de início de ano com Luciano Huck e Angélica

O Pitbull de Eduardo Cunha finalmente levou uma mordida