Enquanto deputados nordestinos querem continuar com Elmo na CODEVASF, senador Ciro Nogueira quer a empresa apenas para ele



Por Genaldo de Melo
 
Enquanto um ofício assinado por 25 deputados federais da Bahia, Ceará, Sergipe e Minas Gerais foi entregue na noite da última quarta-feira (13) à presidente Dilma Rousseff com um apelo para que ela mantenha o engenheiro baiano Elmo Vaz na presidência da Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco (Codevasf), apenas uma pessoa quer a empresa para si: chama-se Ciro Nogueira, Senador do Piauí. No documento, os parlamentares ressaltam a “gestão proba, diligente, transparente e permeável ao diálogo social” de Elmo à frente da Codevasf deste quando assumiu o cargo, em 2012.. Nesta quinta-feira, o ministro Jaques Wagner (Defesa) se reuniu com a presidente Dilma Rousseff para tratar do assunto. O cargo é cobiçado pelo senador Ciro Nogueira (PP/PI). Para os baianos, a manutenção de Elmo significa dar andamento ao projeto do Baixio do Irecê, que ficou engavetado há mais de 20 anos, bem como a esperança de executar a obra do Canal do Sertão, obra de R$ 4 bilhões. Além disso, atualmente todas as obras de revitalização do Rio São Francisco são tocadas pela Codevasf.

Comentários