Na Bahia Aleluia fala demais e recebe dinheiro da Câmara antes de ser deputado federal

Por Genaldo de Melo
 
Quem consume imprensa na Bahia tem acompanhado uma série de artigos escritos para o jornal diário “A Tarde” assinados pelo deputado federal José Carlos Aleluia (DEM), aonde o mesmo tem se colocado como um grande baluarte da arte de combater a corrupção, e principalmente defendendo de forma aguerrida a derrubada do governo da presidente Dilma Rousseff (PT). Baluarte da moral como tem se colocado não deveria fazer o que fez essa semana com o Congresso Nacional, recebendo recursos públicos para pagamento de uma cirurgia que ele fez antes de ter assumido seu mandato de deputado federal. Segundo Lauro Jardim em sua página Radar On-line da revista “Veja” Aleluia recebeu da Câmara um ressarcimento de R$ 120.630,00 pela cirurgia que fez em dezembro, quando o mesmo somente assumiu seu mandato em fevereiro deste ano. Parece pelo visto que Eduardo Cunha (PMDB) resolveu inovar os procedimentos de ressarcimentos financeiros aos nobres deputados da Casa, principalmente os articuladores de sua campanha à presidência da Câmara dos Deputados, pagando despesas de deputados quando os mesmos ainda não eram deputados. Aleluia deveria parar de falar tanto em corrupção, e combater menos a esquerda brasileira e trabalhar mais pela Bahia, e apesar de escrever bem deveria escrever assuntos mais sérios e não bobagens!

Comentários