Não é piada, a turma da Rede Globo entrega prêmio a ela mesma em Portugal

   

Imaginemos que o célebre “Armarinho do Turco”, na afamada Vila Valqueire, terra dos bambas da Zona Oeste do Rio, institua o prêmio de melhor armarinho da região e o outorgue a ninguém menos do que ao próprio Turco. Todos concordarão que a imparcialidade dos critérios que definiram o prêmio estaria sob suspeita. Pois bem, o sistema Globo, em diversas reportagens de seus veículos, inclusive o Jornal Nacional, vem destacando o prêmio que a emissora recebeu neste domingo (24) em Portugal. A edição de O Globo desta terça-feira (26) ainda repercute a premiação: “Rede Globo é homenageada com prêmio da TV portuguesa”. O jornal destaca que a Rede Globo recebeu, das mãos do presidente da TV Sociedade Independente de Comunicação (SIC), Francisco Pinto Balsemão, o troféu de Mérito e Excelência “Globo de Ouro”. E quem é a TV SIC? É uma emissora privada de Portugal fundada em 1992 por Balsemão e (adivinhem) Roberto Marinho. A família Marinho é uma das proprietárias da TV SIC tendo diretamente (ou melhor dizendo, abertamente), 15% das ações da emissora portuguesa, o máximo que a legislação local permite. Foi a Rede Globo que deu toda a consultoria para a montagem e os primeiros passos da estrutura e da logística da TV SIC, que retransmite as novelas globais para Portugal. Para receber com a mão direita o que sua mão esquerda ofereceu, compareceu à cerimônia de premiação o vice-presidente do Grupo Globo José Roberto Marinho, acompanhado de estrelas da companhia, como Lima Duarte e Lilia Cabral. Parece que Sérgio Moro também foi convidado a comparecer mas declinou quando soube que não havia medalha para ele. Quanto ao Armarinho do Turco, uma coisa eu posso garantir, quando vende um produto falsificado o Turco, honestamente, avisa ao freguês. (conformações de Vermelho)

Comentários