Para consolidar a fusão entre DEM e PTB, quadros do DEM exigem que o PTB expulse Fernando Collor

Por Genaldo de Melo
As negociações para a fusão entre DEM e PTB chegaram a um momento delicado, pois o DEM está fazendo determinadas exigências que podem esbarrar todo o processo de diálogo entre as lideranças de ambos os partidos para consolidarem a fusão. Uma exigência pode travar a articulação, que estava bem avançada. A direção do DEM exige que, antes da fusão, o PTB expulse o senador Fernando Collor dos seus quadros. Collor enfrenta resistências dentro do PTB, mas petebistas podem considerar sua expulsão uma condição exagerada para a fusão. O assunto será avaliado hoje pelo PTB. Na Bahia essa semana Jonival Lucas, prefeito da cidade de Sapeaçu, no Recôncavo baiano, e Edivaldo Brito, vereador da capital baiana, decidiram que caso haja a fusão eles estão fora do PTB, porque consideram que ideologicamente ambas as legendas não tem nada a ver.

Comentários