Pela primeira vez uma mulher e nordestina será presidente do Partido Comunista do Brasil

Por Genaldo de Melo

O Partido Comunista do Brasil (PCdoB) realiza a partir desta sexta-feira (29) até domingo (31), em São Paulo, a sua 10ª Conferência Nacional que culminará o processo de sucessão da presidência do Partido. Renato Rabelo, que presidiu a organização durante os últimos 13 anos, transmite o cargo à Luciana Santos, ex-prefeita de Olinda, atual vice-presidenta e deputada federal pelo estado de Pernambuco.  O evento acontecerá no teatro da Unip (Campus Barcelar) e tem como objetivo definir o posicionamento do PCdoB no atual momento de grande acirramento político nacional e apontar as perspectivas de sua atuação. A atividade encerra um ciclo de debates que mobilizou a militância comunista em todo o país. O Projeto de Resolução que subsidiou o debate da Conferência aponta para a construção de uma “frente ampla em defesa do Brasil, do desenvolvimento e da democracia” e apresenta como bandeiras prioritárias “a defesa da democracia, a defesa da Petrobras e da engenharia nacional, a retomada do crescimento da economia; o combate à corrupção com o fim do financiamento empresarial das campanhas”, entre outras. O evento vai contar com a presença de mais de 500 militantes, entre delegados e convidados. Apesar de atividade ter caráter mais interno e partidário, está confirmada a presença de Fernando Haddad, prefeito de São Paulo, a cidade que recebe a conferência, e do governador de Pernambuco, Paulo Câmara. O anúncio do resultado dos debates da Conferência e da sucessão da presidência do PCdoB acontecerá no domingo, após a reunião do Comitê Central. (Com informações de Vermelho)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A manipulação grosseira da Globo do Dia do Trabalho

ACM Neto pode não ser mais candidato nas próximas eleições na Bahia

Sem Lula cidadãos conscientes continuam preferindo Manuela