Comunistas discutem a situação municipal em Feira de Santana

Por Genaldo de Melo




No último dia 29 de agosto o Comitê Municipal do Partido Comunista do Brasil de Feira de Santana reuniu seus membros dirigentes para discutir temáticas relativas a organização do partido no município. Entre as principais discussões da reunião destacaram-se a análise do documento-base para debates da Conferência Estadual do Partido que acontecerá em 14 e 15 de novembro próximo, e a situação política em Feira de Santana. Destaque da reunião foi a preocupação atual com o impasse da não participação da população de Feira de Santana em mobilizações em defesa de melhores condições para se viver no município, principalmente em relação a questão da mobilidade urbana, observando-se que a população ficou onze dias sem transporte público e absolutamente quase ninguém mobilizou-se ou mesmo reclamou publicamente da situação. O partido nesse sentido deverá procurar ser ator do processo de mobilização social, principalmente nesse momento em que sem nenhuma discussão com a sociedade feirense a Prefeitura Municipal encaminha a construção da obra do BRT numa área que absolutamente ninguém concorda porque destruirá o principal jardim urbano que temos, ou seja, derrubará as árvores centenárias da avenida Getúlio Vargas.

Comentários