Fábio Júnior estimula público em Nova York a xingar Dilma

Por Genaldo de Melo
 Resultado de imagem para imagem de fábio junior em show de nova york
Durante sua apresentação no Brazilian Day, em Nova Iorque, no último domingo (6), o cantor Fábio Júnior realizou protestos contra a corrupção no Brasil e incentivou o público a xingar a presidenta Dilma Rousseff. “O que é que está escrito na nossa bandeira?”, questionou Fábio, enrolado em uma bandeira do país. “Ordem e progresso. Mas vocês sabem o que é que está acontecendo no Brasil, né? Desordem e roubalheira. É uma quadrilha”, completou. Em seguida, assumiu tom ufanista e disse ter “o maior orgulho” do país em que vive – nesse momento, foi interrompido pela plateia, que puxou o canto de “eu sou brasileiro, com muito orgulho, com muito amor”. Foi quando o cantor fez suas afirmações mais incisivas. “Dilma, Lula, Zé Dirceu, PMDB, vocês não têm mais o que fazer, não, porra?”, vociferou. O público, então, começou a gritar: “Ei, Dilma, vai tomar no cu”. Fábio Júnior não acompanhou o coro, mas em sinal de aprovação, direcionou o microfone à plateia. “Vocês sabem onde está aquele dedinho que o Lula perdeu, né? Onde é que ele enfiou, né? No nosso!”, finalizou. (Fórum)

Comentários