Líder muçulmano sugere imposto sobre sexo

Por Genaldo de Melo
Líder muçulmano sugere imposto sobre sexo
Um líder da União Muçulmana, do Cazaquistão, propôs que o país crie um imposto para o sexo. De acordo com o blog do Anselmo, um sujeito casado teria que pagar US$ 1 por cada relação sexual. Aos estrangeiros, no entanto, a medida custaria mais: US$ 2,50 por cada relação. Estes valores, de acordo com a publicação, servem apenas para heterossexuais. Os gays teriam que desembolsar um valor maior: US$ 10. O líder muçulmano diz que, caso a proposta seja aceita, uma unidade de polícia especial teria o direito de invadir casas, sem qualquer decisão judicial, para fiscalizar os casais.(BN)

Comentários