OAB abre comissão para avaliar impeachment de Dilma Rousseff

Dilma Rousseff
Logo após o TCU (Tribunal de Contas da União) rejeitar as contas da presidente Dilma Rousseff, no período de 2014, a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), criou uma comissão para decidir se apresenta ao Congresso pedido de impeachment da presidente. Segundo o jornal Estadão, a comissão terá 30 dias para fazer estudos "técnicos" e avaliar se há embasamento jurídico para pedir a saída de Dilma. O parecer será entregue ao Conselho Federal do órgão.  "É indiscutível a gravidade da situação consistente no parecer do TCU pela rejeição das contas da presidente da República por alegado descumprimento à Constituição federal e às leis que regem os gastos públicos. A OAB, como voz constitucional do cidadão, analisará todos os aspectos jurídicos da matéria e a existência ou não de crime praticado pela presidente da República e a sua implicação no atual mandato presidencial", disse o presidente nacional da entidade, Marcus Vinícius Furtado Coelho, ao Estadão. (BNews)

Blog do Genaldo

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O desespero da Globo com seu circo de horrores

Lava Jato pode apresentar a lista de santos que o Brasil deve votar em 2018

Assaltantes estão causando terror no Distrito de Maria Quitéria