Globo aposenta diretor de esportes depois de escândalos do futebol

override-if-required
Figura-chave nos bastidores do futebol brasileiro nas últimas duas décadas Marcelo Campos Pinto está deixando a Globo Esportes, braço de negociações de direitos esportivos do Grupo Globo. Comunicado assinado por Roberto Irineu Marinho, presidente do Grupo Globo, distribuído a diretores nesta quinta-feira (5), informa que Campos Pinto vai se aposentar no final do ano. Em seu lugar, a partir de segunda-feira (9), assumirá Pedro Garcia, diretor de Negócios dos canais SporTV, Premiere e Combate. A Globo Esportes ficará subordinada a um Comitê de Direitos Esportivos, formado por Carlos Henrique Schroder (diretor-geral da Globo), Alberto Pecegueiro (diretor-geral da Globosat) e Jorge Nóbrega (membro do conselho administrativo do grupo). Nos últimos anos, Campos Pinto foi figura fundamental nos bastidores do futebol brasileiro. Deu as cartas nas negociações de direitos de transmissão. Em 2011, com a implosão do Clube dos 13, conseguiu manter o futebol na Globo negociando diretamente com os clubes. A TV passou a ser a principal fonte de receitas dos times. No ano passado, segundo estudo do Itaú BBA, Globo e seus canais pagos injetaram R$ 1,210 bilhão nas 23 maiores agremiações futebolísticas do país _que arrecadaram R$ 3,113 bilhões no total. Nos bastidores da Globo, especula-se que Campos Pinto será “aposentado” em consequência dos escândalos de corrupção no futebol envolvendo a Fifa e, principalmente, o ex-presidente da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), José Maria Marin, de quem era próximo. (Notícias da TV)
Blog do Genaldo

Comentários