JORNAL NACIONAL É DETONADO POR FALAR DE PARIS E ESQUECER TRAGÉDIA NO BRASIL


A edição do “Jornal Nacional” deste sábado (14), apresentada por William Bonner e Renata Vasconcellos, sobre a tragédia em Paris, quando 129 pessoas foram mortas e outras 80 ficaram feridas após um atentado terrorista do Estado Islâmico, foi bastante criticada nas redes sociais. Alguns internautas lembraram que o telejornal da Globo não dedicou tamanha atenção ao rompimento de uma barragem em Mariana, Minas Gerais, em um desastre que tirou a vida de cinco moradores e destruiu cidades. Outras 23 pessoas estão desaparecidas. “Hoje o Jornal Nacional só falou de Paris. Vergonhoso a atitude do editor-chefe Sr. William Bonner. Mariana, Bento Rodrigues?”, escreveu um internauta, enquanto outro comentou: “Eles não passam férias em Mariana, mas adoram Paris, jornalistas em geral”. Na sexta-feira (13), data fatídica para os franceses, o “JN” também foi criticado ao dar notícias imprecisas sobre o banho de sangue. A Globo, sem um correspondente em Paris, precisou deslocar Roberto Kovalick, de Londres. Na ocasião, só Band e RedeTV! entraram com repórteres do local. (PB)
Blog do Genaldo

Comentários