Jovem morre espancada ao tentar abandonar o Estado Islâmico


A história de Samra Kesinovic (à esquerda na imagem) e de Sabina Selimovic (à direita) mudou em abril do ano passado, altura em que ambas abandonaram os seus lares, na Áustria para se alistarem nas fileiras do Daesh (Estado Islâmico). Na época, as adolescentes ficaram conhecidas como as ‘Poster Girl’ por serem as primeiras mulheres a darem a cara pelas tropas femininas do grupo extremista. Segundo o Daily Mail, que cita a imprensa australiana, Samra, de 17 anos, foi espancada até à morte quando tentou abandonar a Síria para regressar para casa. O governo local, no entanto, recusou-se a fazer quaisquer comentários sobre o caso. Samra teria sido morta em Raqqa, quando tentava encontrar uma forma de regressar à Áustria. Quanto a Sabina, de 16 anos, diz a mesma fonte britânica, foi morta em combate, enquanto defendia o grupo extremista que representava. (Notícias ao Minuto)

Blog do Genaldo

Comentários