Ali Kamel, diretor de jornalismo da Globo, perde ação contra blogueiro

override-if-required
O desembargador Celso Luiz de Matos Peres, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ), considerou improcedente a ação de indenização por dano moral movida pelo diretor de Jornalismo e Esportes da Rede Globo, Ali Kamel, contra o blogueiro Marco Aurélio Cordeiro de Mello. No processo, Kamel exigia indenização pelo texto “Um desabafo” publicado em julho de 2013 no blog “DOLADODELÁ”. Segundo ele, o blogueiro o teria retratado como “uma figura soturna, responsável pela suposta devastação do departamento de jornalismo da TV Globo, ao qual teria imposto um clima de terror por meio de práticas como assédio moral, intimidação e perseguição”. Peres decidiu pela improcedência citando a “manifestação do livre exercício do direito de expressão e manifestação do pensamento”. Lembrou ainda que milhares de brasileiros bradam “o povo não é bobo, abaixo a Rede Globo”. “Por causa desta e de outra ação em que sou réu, nos últimos cinco anos já ‘comi o pão que o diabo amassou’. Fui ridicularizado por colegas de profissão, criticado por amigos e parentes e vi o mercado de trabalho encolher em mais de 50%. Afinal, o oligopólio Globo emprega a metade de todos os profissionais do país, direta ou indiretamente”, disse Mello numa carta. “Tudo porque decidi contar minha experiência profissional de mais de uma década e desafiar aqueles que insistem em exercer o poder de informar de maneira inescrupulosa e tirânica, uma afronta à Democracia e uma permanente ameaça a Paz e à Justiça Social.” (DCM)
Blog do Genaldo

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O desespero da Globo com seu circo de horrores

Lava Jato pode apresentar a lista de santos que o Brasil deve votar em 2018

Assaltantes estão causando terror no Distrito de Maria Quitéria