Dilma aconselha jovens visita ao Google para ver quem é bandido

Por Genaldo de Melo
Durante a 3ª Conferência Nacional da Juventude que aconteceu ontem em Brasília, a Presidente da República Dilma Roussef, deu um dos mais contundentes discursos em defesa de seu mandato, presenteado democraticamente nas urnas por 54 milhões de cidadãos brasileiros conscientes da continuidade do projeto que ela representa. Para ela os seus opositores que perderam nas urnas querem a qualquer custo chegar ao poder pela via do assalto à democracia plena, inventando motivos que não existem, pois como exige a lei do impeachment para isso, deve-se haver premissas jurídicas de impedimento de seu governo como querem. Dilma comparou a sua biografia com a de adversários políticos. "Sabem que têm de usar de artifícios porque não conseguirão nada atacando minha biografia, que é conhecida. Sou uma mulher que lutou. Amo meu país e sou honesta. Além disso, não compartilho com algumas práticas da velha política que alguns deles professam. O mais irônico é que muitos que querem interromper meu mandato têm uma biografia que não resiste a uma rápida pesquisa no Google", criticou.

Comentários