A arte de mentir devendo bilhões de dólares da Globo

Por Genaldo de Melo














As organizações Globo de Comunicações sempre se comportaram como a mais competente das empresas do tipo no Brasil, porém não disse nada ainda para o povo brasileiro sobre suas grandiosas dívidas, que podem levá-las à falência.

A astronômica dívida da Globo, segundo relatório da Price Waterhouse Coopers – Auditores Independentes, assinado por William J.N. Graham, no início de 2002 era de três bilhões, quinhentos e oitenta e três milhões de dólares. Ou seja, mais de dez bilhões de reais.

Onde as três maiores empresas devedoras são: Globopar, Globo Cabo, Net Sat, que representam cerca de 90% da dívida e onde aparece com destaque até a irresponsável e perdulária Editora Globo, de crônico e sistemático prejuízo, com cerca de 3% do total da dívida. 

A única empresa da Rede Globo que, com muita dificuldade, poderia fazer frente a esta fabulosa dívida, e que é lucrativa de verdade, é a TV Globo. Entretanto, nem a TV Globo, com seus seiscentos milhões de dólares anuais, pouco ou nada poderia fazer para salvar o Império Globo da falência.

Pois se dos seiscentos milhões de dólares a TV Globo reservar 120 milhões por ano, cerca de 20% (vinte por cento), para amortizar a dívida, levaria mais de trinta anos para amortizar a fantástica dívida que sufoca e mata a Globo aos poucos. 

Vale repetir, com recursos próprios é inimaginável a Globo saldar tão astronômica dívida. Só o governo, através do BNDES, Caixa Econômica, Banco do Brasil, Banco Central, fundos orçamentários e demais verbas públicas é que podem salvar a Globo da irremediável falência próxima. 

Será que agora com todo o aparato de propaganda política de dispôs em favor de Michel Temer ela agora vai receber o dinheiro suficiente para pagar suas dívidas? Vamos vigiar...


Comentários