Cunha cassado segundo vozes do Palácio do Planalto

Por Genaldo de Melo
Resultado de imagem para caricaturas de Cunha
Depois de tanto filibuster político parece que finalmente o Governo interino do Palácio do Planalto começa a assumir que não tem mais o que fazer para ajudar o deputado federal, Eduardo Cunha, de sua eminente cassação.

A informação apareceu hoje no Blog do Camaroti do G1, de que no dia em que tiver quórum em sessão da guilhotina, ele não tem como escapar. Pode até adiar a votação por várias vezes, mas ele não poderá escapar segundo fonte do próprio palácio do Planalto.

Na certeza do fato, e desesperado, Eduardo Cunha, está buscando todas as formas para convencer os deputados federais. Está procurando nas redes sociais explicar o inexplicável, e até mesmo fazendo cartas personalizadas para os colegas de Parlamento.

Segundo a Folha de São Paulo, Cunha já escreveu 273 cartas individuais para entregar aos nobres amigos, e pretende telefonar e conversar com todos para convencê-los de que não deve ser cassado.


Segundo a matéria da Folha ele disse à interlocutores que não vai ficar com a bocar escancarada esperando a morte chegar. Mas com os recados "esotéricos" do Palácio do Planalto ele pode comprar a mortalha e apresentar sua delação e seu dossiê a Moro e a Janot, para não morrer sozinho!

Comentários