Pular para o conteúdo principal

Misericórdia, parece que só querem esvaziar os cofres de Aracaju!

Por Genaldo de Melo
Colina de Santo Antônio, no bairro de mesmo nome em Aracaju-SE
Observador atento aos meandros do mundo político sergipano conversou com este blogueiro hoje por telefone para contar as novidades de minha bela cidade, Aracaju, e me confidenciou coisas que até os cabelos das onças podem ficar de pé. 

Parece que a cobra venenosa mordeu alguém nas lides do atual prefeito, João Alves Filho, no período em que o mesmo decidiu tirar umas férias merecidas depois de não ter feito muita coisa pelos aracajuanos nos últimos quatro anos de seu Governo, e parece que roubaram na calada da noite a antídoto que estava guardado à setes chaves na caixinha de Pandora. 

Segundo meu amigo o vice-Prefeito, José Carlos Machado, velho conhecido da direita sergipana, que somente ficou fora do poder no período em que Marcelo Déda politicamente coordenou a política sergipana, no circulo das intrigas palacianas desandou a falar verdades, e se esqueceu de que estamos em períodos de grampos e delações de segredos políticos no Brasil. 

E Pimba! Algum James Bonder às avessas não perdeu tempo e grampeou-lhe as confidências, e parece que sabendo que o atual prefeito João Alves nessas eleições não vai a lugar nenhum, resolveu jogar a farinha no ventilador. 

Resultado Sergipe todo sabe hoje que o Governo de João Alves Filho está cheio de gente interessada apenas no dinheiro que deveria em tese ser para obras e serviços públicos para os aracajuanos. 

Escândalos serão sempre escândalos! Mas na política sempre aparece aliados, como exemplos recentes de Eduardo Cunha em Brasília, para defender teses contrárias ou tentar confundir a Opinião Pública, ou mesmo querer redesenhar a Mona Lisa! Nesse sentido, quem tentou colocar água fria no café foi o vereador aliado de João e de José Carlos Machado, Ailton Santana (PSDB). 

Ele disse em entrevista à Mix FM, que não tem dúvidas que a voz é de José Carlos Machado, mas no seu entendimento, a declaração demonstra a insatisfação que o vice-prefeito tem sofrido na administração do prefeito João Alves e o vazamento do áudio tem como finalidade prejudicá-lo às vésperas do anúncio da disputa à reeleição de João, tendo Machado como vice. 

Para o vereador aliado “trata-se de um ‘fogo amigo. Todos nós sabemos como alguns secretários a todo custo tentam fazer intriga entre o vice-prefeito José Carlos Machado e João Alves Filho. Estranho um político experiente como João Alves está ouvindo muitas conversas dos secretários e procurado excluir Machado. Temos visto isso ao logo desses últimos meses”.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Grande oportunidade: Inscrições abertas para o Fundo Socioambiental Caixa

Por Genaldo de Melo A Caixa Econômica Federalestá com inscrições abertas para oFundo Socioambiental Caixa – FSA Caixa, que apóia projetos socioambientais voltados ao desenvolvimento integrado e sustentável para a população de baixa renda. O financiamento varia de 200 mil a 1 milhão de reais. São dois os editais abertos no momento para o FSA Caixa: Desenvolvimento e Cidadania; e Energias Renováveis e Recursos Hídricos. No edital de Desenvolvimento e Cidadania serão selecionados 20 projetos voltados à promoção socioeconômica com foco em saúde, educação, inclusão produtiva e promoção da cidadania, que tenham como finalidade a erradicação da pobreza, inclusão social e econômica, promoção da justiça, da dignidade e da qualidade de vida, implementados por organizações da sociedade civil sem fins lucrativos que atuem junto a grupos e comunidades em situação de vulnerabilidade social. O prazo para inscrição nesse edital é dia 11 de julho. Já no edital de Energias Renováveis e R…

Lula foi inocentado

Por Genaldo de Melo Recentemente o jornalista José Roberto Guzzo, colunista da revista Veja, escreveu um artigo intitulado “É só explicar”, cobrando indignado que Lula deveria aproveitar apenas quinze minutos para explicar sobre o polêmico apartamento que por “convicção" setores do Ministério Público Federal insistem na tese de que foi matéria de propina dada pela empresa OAS ao mesmo.
Interessante é que pelo que sabemos Lula já gastou uma carga de centenas e centenas de quinze minutos explicando que o polêmico apartamento não lhe pertence, e de todos os modos tenta explicar juridicamente esse fantoche político, mas tanto o Ministério Público quanto a mídia do Jornalismo de propaganda política continua insistindo nesse assunto.
Agora realmente o que causa um pouco de indignação é que as testemunhas de acusação que apresentaram seus depoimentos hoje (21/11) ao MPF, absolutamente todas são unânimes em dizer que não podem incriminar Lula, porque elas mesmas não negociaram nada disso em…

O desespero da Globo com seu circo de horrores

Por Genaldo de Melo A Rede Globo de Comunicações, que passou os quinze dias que antecederam o tão badalado depoimento de Lula ao juiz Sérgio Moro, por causa de um triplex, que até agora ninguém mostrou de fato nenhum documento do mesmo no nome dele, e do mesmo modo não comprovou que ele ganhou o mesmo como forma de propina, literalmente entrou em desespero. Interessante é que o tríplex entrou no imposto de renda da OAS, e D. Marisa entrou com um processo judicial para receber sua cota parte de volta, quando desistiu do mesmo, que era de R$ 209 mil em 2009 e hoje é de R$ 300,8 mil (o processo está na 34ª Vara Cível).
A Globo utilizou ao modo de Goebbels o discurso de que Lula poderia, aliás, teria que ser preso ali mesmo em Curitiba, até mesmo com um provável desacato ao juiz, mas como Lula não foi preso porque pelo visto o apartamento não é mesmo dele, partiu para um ataque tão violento, que não se pode dizer que está mais praticando jornalismo.
Do momento do depoimento até agora, quase …