Pular para o conteúdo principal

É incrível, mas agora Lula ganhou de presente um estádio de futebol segundo a Folha de São Paulo

Por Genaldo de Melo
Mais uma vez setores da mídia brasileira de propaganda política se prestam ao papel ridículo de querer colar uma imagem de um Lula “doce demais”, a ponto de não apenas receber presentes caríssimos como um sítio em Atibaia, um apartamento triplex em Guarujá, um famoso barco de lata, uns “pedalinhos” que mexeu com o imaginário dos jornalistas brasileiros pelo seu preço, e agora exageradamente tentar colar a notícia sensacionalista de que ele recebeu de presente um campo moderno de futebol: a Arena Itaquerão.

Nesse final de semana a Folha de São Paulo escandalizou a notícia de que o proprietário de uma das maiores construtoras do país, Emílio Odebrecht, presenteou Lula com o campo de futebol do Corinthians de quase um bilhão de reais. É a piada deste domingo, publicada pela Folha de São Paulo, que, infelizmente, não saiu na coluna do Sensacionalista. 

Parece que Lula, por causa das pesquisas de opinião sobre as eleições presidenciais de 2018, consegue realmente mexer com o imaginário dos jornalistas e dos donos da Folha de São Paulo e de outros jornalões, a ponto de inventarem tais disparates que não podem ser considerados materiais jornalísticos de qualidade para os seus leitores, mas como lixo político de esgoto.

Interessante é que o Itaquerão foi obra conjunta das esferas dos governos Federal, Estadual e Municipal de São Paulo, mas o jornal que deveria prestar serviços de informações e notícias sérias aos seus leitores, literalmente está dizendo que Lula é o dono do Itaquerão. Que vergonha para a nação brasileira ter que se informar com jornais que inventam mentiras por causa de suas opções políticas para 2018!

Que absurdo! Que falta de respeito com os brasileiros, mesmo com aqueles que não gostam de Lula! Dizer que se gastou uma fortuna com um campo de futebol, que eles mesmos torceram para que não ficasse pronto a tempo de servir para a abertura da Copa do Mundo de Futebol, somente para depois presentear Lula...

Esqueceram de dizer que a ideia de investir no Itaquerão, surgiu do risco de São Paulo, uma das cidades-sede da Copa do Mundo, não poder contar com um estádio à altura para o evento. A tentativa de utilização do estádio do Morumbi não prosperou diante da impossibilidade do São Paulo Futebol Clube em assumir os R$ 630 milhões necessários ao atendimento às exigências da Fifa. Daí a opção pela Arena Corinthians, cujo projeto inicial, diga-se, era bem mais modesto do que aquele que acabou prevalecendo, mas deixando uma dívida de R$ 900 milhões que o próprio Corinthians vem pagando aos poucos e de forma sofrida à construtora baiana.

Na época o governador Geraldo Alckmin decidiu investir nada menos de R$ 365 milhões em obras de melhoria da acessibilidade à região. O prefeito Gilberto Kassab, não apenas destinou R$ 105 milhões para a modernização do sistema viário, como assinou decreto concedendo R$ 420 milhões em incentivos fiscais para a construção do estádio, na forma de títulos batizados de Certificados de Incentivo ao Desenvolvimento (CIDs). Os certificados poderiam ser utilizados para o pagamento de impostos municipais como o Imposto sobre Serviços (ISS) ou o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) próprios ou de terceiros. Mas eles todos fizeram isso para simplesmente presentear Lula, na “língua” da Folha de São de Paulo.


Se continuar assim daqui uns dias o jornalismo de propaganda política contra Lula vai doar uma parte do Brasil para que ele desista da ideia de querer ser Presidente da República. Ou então daqui a pouco vão dizer que Lula ganhou de presente o Oceano Atlântico! É demais...!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Grande oportunidade: Inscrições abertas para o Fundo Socioambiental Caixa

Por Genaldo de Melo A Caixa Econômica Federalestá com inscrições abertas para oFundo Socioambiental Caixa – FSA Caixa, que apóia projetos socioambientais voltados ao desenvolvimento integrado e sustentável para a população de baixa renda. O financiamento varia de 200 mil a 1 milhão de reais. São dois os editais abertos no momento para o FSA Caixa: Desenvolvimento e Cidadania; e Energias Renováveis e Recursos Hídricos. No edital de Desenvolvimento e Cidadania serão selecionados 20 projetos voltados à promoção socioeconômica com foco em saúde, educação, inclusão produtiva e promoção da cidadania, que tenham como finalidade a erradicação da pobreza, inclusão social e econômica, promoção da justiça, da dignidade e da qualidade de vida, implementados por organizações da sociedade civil sem fins lucrativos que atuem junto a grupos e comunidades em situação de vulnerabilidade social. O prazo para inscrição nesse edital é dia 11 de julho. Já no edital de Energias Renováveis e R…

Lula foi inocentado

Por Genaldo de Melo Recentemente o jornalista José Roberto Guzzo, colunista da revista Veja, escreveu um artigo intitulado “É só explicar”, cobrando indignado que Lula deveria aproveitar apenas quinze minutos para explicar sobre o polêmico apartamento que por “convicção" setores do Ministério Público Federal insistem na tese de que foi matéria de propina dada pela empresa OAS ao mesmo.
Interessante é que pelo que sabemos Lula já gastou uma carga de centenas e centenas de quinze minutos explicando que o polêmico apartamento não lhe pertence, e de todos os modos tenta explicar juridicamente esse fantoche político, mas tanto o Ministério Público quanto a mídia do Jornalismo de propaganda política continua insistindo nesse assunto.
Agora realmente o que causa um pouco de indignação é que as testemunhas de acusação que apresentaram seus depoimentos hoje (21/11) ao MPF, absolutamente todas são unânimes em dizer que não podem incriminar Lula, porque elas mesmas não negociaram nada disso em…

O desespero da Globo com seu circo de horrores

Por Genaldo de Melo A Rede Globo de Comunicações, que passou os quinze dias que antecederam o tão badalado depoimento de Lula ao juiz Sérgio Moro, por causa de um triplex, que até agora ninguém mostrou de fato nenhum documento do mesmo no nome dele, e do mesmo modo não comprovou que ele ganhou o mesmo como forma de propina, literalmente entrou em desespero. Interessante é que o tríplex entrou no imposto de renda da OAS, e D. Marisa entrou com um processo judicial para receber sua cota parte de volta, quando desistiu do mesmo, que era de R$ 209 mil em 2009 e hoje é de R$ 300,8 mil (o processo está na 34ª Vara Cível).
A Globo utilizou ao modo de Goebbels o discurso de que Lula poderia, aliás, teria que ser preso ali mesmo em Curitiba, até mesmo com um provável desacato ao juiz, mas como Lula não foi preso porque pelo visto o apartamento não é mesmo dele, partiu para um ataque tão violento, que não se pode dizer que está mais praticando jornalismo.
Do momento do depoimento até agora, quase …