A verdade sobre a falta de reação dos brasileiros diante da incrível destruição do Estado

Por Genaldo de Melo
A sensação de impotência política tem tomado conta de uma grande parcela da sociedade que sabe o que está acontecendo no país, mas sabe muito bem que sozinha não vai poder combater as nocivas mudanças que vem sendo implementadas no Brasil como Estado.

Pior ainda é saber que o povo não começou a reagir, exatamente porque o povo não sabe o que de fato está acontecendo. O povo está sendo literalmente enfeitiçado, mas precisamente imbecilizado, pelo processo de desinformação promovido pela mídia comprometida com a noção de Estado Mínimo, principalmente pela Rede Globo de Televisão.

A configuração do Estado brasileiro depois do pacto feito por Lula com a Carta aos Brasileiros em 2002, está literalmente sendo mudada numa rapidez e numa crueldade tão grande, que nem importa se Michel Temer seja rejeitado pelo povo brasileiro ou não, pois ele é apenas o bode na sala para a implementação de uma nova configuração, em que o próprio povo é quem vai ser peremptoriamente prejudicado.

O Congresso Nacional em função de grupos de interesses quebra o conceito de democracia representativa e aprova a PEC 55, congelando gastos públicos, principalmente na saúde e na educação, quando se sabe que o Estado para ser forte tem que gastar com isso (criando mecanismos contra a corrupção endêmica). E ninguém reage!

O governo "ilegítimo" apresenta mais duas outras maldades que o povo brasileiro somente vai compreender quando os punhais cortarem as veias, porque esse Congresso aprova tudo contra o mesmo. Primeiro os brasileiros terão que começar a trabalhar aos 16 anos se quiserem ter aposentadoria completa depois de 49 anos de trabalho, e segundo, via medida provisória quer fazer os trabalhadores brasileiros a cumprirem 12 horas de trabalho por dia. E ninguém reage!

Diante de tudo isso, quando argumentam que é porque tem que fazer o ajuste fiscal para enfrentar a recessão, vem Michel Temer e na calada da noite aprova a proposta para presentear R$ 100 bilhões às operadoras de telefonia, as chamadas "teles". Isso é de uma canalhice tão grande com o povo brasileiro, que ultrapassa os limites da falta de vergonha e de respeito!

E mesmo assim o povo não reage! Por isso que a sensação de impotência política nos invade a alma. O Brasil está fazendo mudanças para ser um Estado pequeno diante do mundo, quando exatamente fez de tudo nos últimos anos para crescer como nação soberana, e como uma potência internacional. Estão preparando o Estado brasileiro para voltar a ser colonizado e ser formado por um povo pequeno diante de outros povos fortes do mundo. É a treva!

Comentários