A incrível lista que querem esconder do povo brasileiro

Por Genaldo de Melo
Vejam abaixo a incrível lista de alguns dos citados em delação premiada (e seus apelidos nada convencionais) de Cláudio Melo Filho, ex-executivo da Odebrecht, que provavelmente estarão no relatório que seria apresentada por Teori Zavascki, e que agora deverá necessariamente ser apresentada pelo novo relator, que será escolhido ou por Michel Temer (especulam-se que sejam ou Gilmar Mendes, ou Alexandre de Moraes, ou ainda  ou por Carmen Lúcia:

·        EDUARDO CUNHA (PMDB-RJ), ex-presidente da Câmara e ex-deputado, seria ‘Caranguejo’;

·        DELCÍDIO DO AMARAL, (ex-PT-MS), o ex-senador aparecia nas planilhas como ‘Ferrari’;

·        INALDO LEITÃO (PB), ex-deputado, o ‘Todo Feio’ teria recebido R$ 100 mil;

·        AGRIPINO MAIA (DEM-RN), a Odebrecht teria destinado ao senador R$ 1 milhão;

·        DUARTE NOGUEIRA (PSDB-SP), o ‘Corredor’ aparece como beneficiário de R$ 350 mil;

·        LÚCIO VIEIRA LIMA (PMDB-BA), deputado federal, seria o ‘Bitelo’;

·        FRANCISCO DORNELLES (PP-RJ), vice-governador do Rio de Janeiro, seria o ‘Velhinho’ nas planilhas;

·        ARTHUR VIRGÍLIO (PSDB), prefeito de Manaus teria recebido R$ 300 mil;
·        CIRO NOGUEIRA (PP-PI), o senador seria o ‘Cerrado’;

·        HERÁCLITO FORTES (PSB-PI), deputado federal, seria o ‘Boca Mole’ e teria recebido R$ 200 mil;

·        GIM ARGELLO (DF), ex-senador é o ‘Campari', teria faturado R$ 1,5 mi;

·        PAES LANDIM (PTB-PI), deputado federal, seria o ‘Decrépito’, teria levado R$ 100 mil;

·        ANDERSON DORNELLES, ex-braço direito de Dilma Rousseff, seria o ‘Las Vegas’;

·        JOSÉ CARLOS ALELUIA (DEM-BA), deputado federal que teria recebido R$ 300 mil e seria o ‘Missa’;

·        ELISEU PADILHA (PMDB-RS), o ministro-chefe da Casa Civil de Michel Temer seria o ‘Primo’;

·        MOREIRA FRANCO (PMDB-RJ), secretário-executivo do Programa de Parcerias de Investimentos, seria o ‘Angorá’ das planilhas;

·        ROMERO JUCÁ (PMDB-RR), senador e ex-ministro, seria o ‘Caju’;

·        EUNÍCIO OLIVEIRA (PMDB-CE), senador, apelidado de ‘Índio’;

·        GEDDEL VIEIRA LIMA (PMDB-BA), ex-ministro da Secretaria de Governo, apelidado de ‘Babel’;

·        RODRIGO MAIA (DEM-RJ), presidente da Câmara dos Deputados, teria recebido R$ 100 mil, seu codinome era ‘Botafogo’;

·        RENAN CALHEIROS (PMDB-AL), o presidente do Senado recebeu o apelido de ‘Justiça’ na lista de codinomes da empreiteira;

·        MICHEL TEMER, atual presidente da República ilegítimo e sem voto, que recebeu parte de valor prometido ao PMDB em 2014 foi entregue em dinheiro no escritório de José Yunes, amigo do presidente.

E enquanto isso o salário mínimo de um trabalhador brasileiro que luta diariamente de sol a sol, não ultrapassa a casa dos mil reais. É necessário já de camomila prá dormir com tanta corrupção desses moços que tomaram de assalto o poder, em nome do combate à corrupção. Realmente camomila não serve, tem que dose prá leão dormir...!

Comentários