O pentecostalismo vai assumir a Secretaria de Comunicação da Câmara dos Deputados

Por Genaldo de Melo
Existem uns absurdos políticos no Brasil que devem ser motivo de piada em outras nações do mundo, principalmente quando envolvem a participação direta de indivíduos com mandatos parlamentares que são ligados à religiões polêmicas, e principalmente fundamentalistas.

A mais nova notícia que recheia manchetes de jornais sobre esses absurdos determinados pela condução política, a partir de negociatas feitas por votos para assumir postos de poder, é a provável nomeação do deputado federal baiano ligado a Igreja Universal do Reino de Deus, Márcio Marinho, para assumir a Secretaria de Comunicação da Câmara dos Deputados.

Não que o deputado não tenha competência para assumir uma estrutura de mais de 500 funcionários, com rádios, canais de TV e vários portais de internet. Na verdade a perplexidade do assunto é porque ele é ligado a uma igreja realmente com postura fundamentalista, ligada ao senhor Edir Macedo, e que ainda apresenta na Rede Record dois programas, o "Balanço Geral" e o "Patrulha do Consumidor".

A pergunta que não quer se calar, é se de fato ele vai ser imparcial em sua postura ao administrar uma estrutura tão importante em repassar as notícias da Câmara dos Deputados, ou vai fazer como fez o ex-deputado Eduardo Cunha, que utilizou aquela estrutura para defender apenas os seus interesses particulares?

O setor de comunicação da Câmara, a Secom (Secretaria de Comunicação), passou a ser chefiado por um deputado, a partir de iniciativa do ex-presidente Eduardo Cunha, e parece que também passou a ser estrutura de barganha política, porque manchetes de jornais dizem que Márcio Marinho vai assumir a estrutura como resultado dos votos que o PRB deu para Rodrigo Maia (DEM/RJ) ser o presidente da Câmara dos Deputados. 

Pelo visto é o Brasil de sempre, não muda!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O desespero da Globo com seu circo de horrores

Lava Jato pode apresentar a lista de santos que o Brasil deve votar em 2018

Assaltantes estão causando terror no Distrito de Maria Quitéria