Pobres seremos o que mesmo no mundo?

Por Genaldo de Melo
Preocupa-me muito quando vejo um indivíduo brasileiro como José Serra, Senador paulista do PSDB licenciado, e atualmente Ministro das Relações Exteriores, brigar com “unhas e dentes” para entregar de mãos beijadas todas as nossas riquezas para empresas estrangeiras, especialmente nosso rico petróleo do Pré-sal.

Preocupa-me muito porque acompanhei em passado recente debate na rede mundial de computadores de dois expoentes do processo de formação de opinião da direta política conservadora mundial: Olavo de Carvalho, filósofo da direita brasileira, e Alexandre Dugin, estratégista-mor do Governo Russo. Preocupação maior quando vemos o que está acontecendo nos espaços territoriais do petróleo (mundo árabe).

Ora, segundo esses expoentes da direita  mundial, um segundo ele mesmo com posição pessoal e agregado americano, e outro com a responsabilidade de Estado, lá da Eurásia, os projetos de dominação mundial estão colocados em três eixos geopolíticos bem definidos.

O primeiro eixo representa a elite governante da Rússia e da China, especialmente os serviços secretos desses países; o segundo representa a elite financeira Ocidental, representada especialmente no Clube Bilderberg, no Council on Foreign Relations e na Comissão Trilateral, e simbolicamente em Soros; e o terceiro na Fraternidade Islâmica, de governos e de lideranças religiosas de vários países islâmicos.

Desse modo estamos à deriva. A base metafísica do Ocidente é o individualismo. A posição holística e geopolítica rege os interesses da Eurásia. O fundamentalismo religioso toma conta do pensamento do mundo árabe. E o Brasil vai mesmo ficar a ver navios? Lula pode ser o que for, mas entendeu tudo que a maioria dos que decidem hoje os rumos dos interesses de nossa nação não compreenderam....

Bajular atores de “teatro” planetário que se acham donos do mundo, não é solução, veja que até mesmo ministros da República são revistados em eventos oferecidos pelo próprio Estado Brasileiro no exterior. O Brasil é dono da "botija escondida" do futuro. Mas sem nossas riquezas...!    

Comentários