A opinião sobre as mulheres do novo dono da Câmara dos Deputados

Por Genaldo de Melo
Bem que militantes e intelectuais orgânicos da esquerda brasileira falaram que esse rapaz que conseguiu de novo ficar na cadeira de presidente da Câmara dos Deputados não tinha reserva moral para o cargo.
Mas deputados de todos os lados, esquerda e direita consciente, apoiaram de novo sua eleição com o discurso de que ele moralizaria a Casa da Cidadania brasileira, e porque daria espaço para todos.
Ledo engano! Quem representa o conservadorismo mas nojento no país, não vai mudar de hora para outra por causa de um acordinho, que pode ser quebrado na hora que bem quiser.
Corrupto será sempre corrupto! Apesar de mesmo que a Polícia Federal conclua que ele recebeu R$ 1 milhão, via candidatura de seu pai, para defender os interesses da OAS no Congresso, como presidente a Globo blinda o mesmo, e vai continuar fazendo isso.
Para quem achava que ele era um bom moço, e negociou espaços pequenos na Câmara, o resultado foi o discurso dele hoje: se as mulheres brigam por direitos iguais, a idade mínima para aposentadoria das mulheres deve ser igual a dos homens...
Tome aí, amigos...!

Comentários