Ciro Gomes calado é bom para todos, e quem não faz política em silêncio melhor ainda

 Por Genaldo de Melo
Ciro Gomes foi praticamente massacrado nas redes sociais por esses dias, e não para menos, pois tudo não passou em momentos de acirramento político de reação pelo que ele mesmo disse em relação a Lula. Ele simplesmente falou de novo que Lula presta um desserviço ao país com sua candidatura, porque vai dividir mais ainda o país entre lulistas e anti-lulistas.

Não que ele esteja de todo errado, mas como dizem alguns jornalistas, ele utiliza exatamente o discurso da direita de que Lula candidato realmente divide o país em dois. Essa é a eterna cantilena da direita desde que Dilma Rousseff ganhou aquela eleição de 2014. Mas quem criou essa confusão foi exatamente aqueles que passaram a odiar qualquer pessoa que vestisse uma camisa vermelha. Não foram os militantes do PT que começaram esse ódio todo, convenhamos...!

E isso também, não depende de Lula, pois não foi ele que criou essa onda de conflitos ideológicos e acirramento político no país, quem começou isso foi exatamente os setores da imprensa tradicional que apoiaram quem não concordou como resultados das urnas em 2014. 

Ciro Gomes com seu discurso se presta a dois papéis elementares na política. Primeiro "parece" natural ele defender essa tese, porque ele quer ser o nome da esquerda para representar o projeto de poder nas urnas. Segundo, ele pode está cometendo um erro, usando o discurso da direita e em caso de Lula não ser candidato, ele ficar sozinho com seu considerado personalismo. 

A direita tradicional já não tem nomes, é tanto que querem inventar João Dórea, e até mesmo o absurdo de se falar em Luciano Huck. Nesse ínterim, exagera Ciro com seu discurso, e também exageram militantes do PT, que imitando aqueles que usavam camisas amarelas e babavam ódio contra o próprio, estão fazendo a mesma coisa.

A Ciro Gomes reza as prerrogativas da política melhor ficar mais Calado, porque a esquerda precisa dele, e porque ele não dispõe dos mesmos números de Lula, e os militantes petistas que parece não tem mais o que fazer, melhor respeitar o curso da história para não contribuir com o descarrilar do bonde na curva.

Comentários