Justiça anuncia indenização em favor de ator que assumiu o estupro

Por Genaldo de Melo

Tem fatos que acontecem na justiça desse país que fica fora de compreensão, principalmente àqueles cidadãos e cidadãs que prezam pelos bons costumes e pela moral. Parece que de vez em quando em alguns casos responsáveis por cometer justiça, olhando a própria lei e os fatos, proferem condenações que parecem um pouco sem sentido. É exatamente o que acaba de acontecer com a ex-ministra da extinta Secretaria de Política para as Mulheres do governo de Dilma Rousseff, Eleonora Menicucci. Ela simplesmente deve pagar uma indenização ao ator Alexandre Frota, porque simplesmente criticou o fato de o ministro da Educação, Mendonça Filho, ter recebido Frota em seu gabinete em maio do ano passado. Ela deve pagar R$ 10 mil ao ilustre ator, porque disse, na ocasião, que Alexandre Frota "não só assumiu ter estuprado, mas também faz apologia ao estupro”, e o mesmo entrou com um processo judicial contra a mesma por danos morais. O próprio ator admitiu, em um programa de TV em maio de 2015, ter estuprado uma mãe de santo. Na época, ele contou ao apresentador Rafinha Bastos que chegou a fazê-la desmaiar com a força com a qual pegou no pescoço da vítima. O comentário gerou revolta de internautas e autoridades que protestaram contra o ator. Que país continua este, ninguém pode mais criticar com a verdade!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O desespero da Globo com seu circo de horrores

Lava Jato pode apresentar a lista de santos que o Brasil deve votar em 2018

Assaltantes estão causando terror no Distrito de Maria Quitéria