Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2017

Enquanto Lula dispara a direita agoniza com Moro e companhia

Por Genaldo de Melo Lula pode até mesmo não ser candidato à Presidência da República, porque poderosos de plantão vão fazer de tudo para tirá-lo do páreo a qualquer custo, como comprova a cada dia a eterna cantilena de que ele é o responsável por tudo que não presta nesse país, mas nunca provam nada contra o mesmo. Mas uma coisa é certa, a demora em descobrir provas convincentes contra o mesmo que demonstrem para a sociedade brasileira que ele realmente é corrupto como querem que fique imprimida nele essa marca, não está conseguindo fazer com que os brasileiros não o tenha como certo nas próximas eleições, e vencedor contra tudo e contra todos.
Pipocam pesquisas de todos os lados com ele absoluto em primeiro lugar, sendo que a grande maioria delas feitas por gente ligada diretamente aos setores empresariais que querem ver o demônio a ele nas urnas em 2018, e a imprensa tradicional em vez de fazer o debate em torno desse fenômeno, prefere esconder as mesmas embaixo de seus tapetes colori…

Bolsonaro não será candidato à Presidente da República

Por Genaldo de Melo Observando a biografia do performático Bolsonaro, lembrei do dito bastante conhecido de Maquiavel de que a natureza humana é volátil, e de como ela é apegada a determinados proselitismos baratos. Basta surgir uma novidade que as pessoas no sentido mais literal da palavra “cai prá cima”. E Bolsonaro não passa, nada mais nada menos, do que um novo modismo passageiro, que acaba não indo para lugar nenhum, a não ser tentar aumentar os seus 464 mil votos para deputado federal de desavisados cariocas.
Ele na narrativa de alguns, quer ser Presidente da República de uma nação que na cabeça dele somente existe a violência, que deve ser resolvida, e o seu detestável discurso contra minorias, e nada mais! O desmiolado somente trabalha com esse comovente discurso, de que a população deve ser armada, que se deve destruir minorias que não pensa, de que negros e homossexuais devem ser aniquilados, e de que lugar de mulher é na cozinha.
Para os desavisados de plantão, digo logo que B…

Pólo Sindical "Wilson Furtado" reúne 45 sindicatos para discutir INSS digital

Por Genaldo de Melo No último dia 22 de setembro numa clara demonstração de responsabilidade e seriedade com seus Sindicatos de Trabalhadores/ Rurais filiados, e com os trabalhadores que estes representam, o Polo Sindical de Apoio ao Desenvolvimento Rural Sustentável "Wilson Furtado" em parceria com FETAG-BA, parceria também com Gerência Regional do INSS de Feira de Santana, realizou um grande Seminário para socializar as informações sobre os novos procedimentos digitais para o encaminhamento de benefícios previdenciários. Participaram do evento que aconteceu na Câmara de Diretores Logistas em Feira de Santana, 108 dirigentes sindicais representando ao todo 45 sindicatos de Trabalhadores/as Rurais dos Territórios de Identidade Portal do Sertão, Recôncavo Baiano, Bacia do Jacuípe, Sisal e Agreste/Litoral Norte. O evento foi coordenado pelos dirigentes do Polo Sindical Renilda Santos, Romário da Silva, Arnaldo de Jesus e Braquistone Vagno, assessorados por Rozete Melo. O evento…

Nova pesquisa CNT/MDA do setor empresarial anuncia mais uma surra de Lula

Por Genaldo de Melo Numa clara concepção de parcialidade política, a imprensa tradicional brasileira mais uma vez demonstra falta de seriedade, e esconde a realidade como se todos os brasileiros fossem perfeitos beócios, e acreditassem apenas na sua narrativa imposta de fatos que não acrescentam nada na vida das pessoas. Tudo aquilo que pode contribuir para que as pessoas façam o debate dos temas que estão em voga, a mídia tradicional prefere esconder, e depois diz que quem fala em parcialidade dela são esquerdistas.
Na primeira pesquisa depois da condenação de Lula sem provas concretas que justificassem tal atitude jurídica, feita exatamente pelo “setor empresarial”, coordenada pela CNT/MDA, tanto a Rede Globo como a limpinha Folha de São Paulo se calaram como um túmulo. Na primeira, qualquer notícia atinge a grande população brasileira que não tem dinheiro para comprar perfume francês, e na segunda atinge exatamente os setores da classe média que podem comprar jornal, e que acreditara…

Prefeito de Feira de Santana pode perder seu protagonismo político

Por Genaldo de Melo

Rumores dos famosos senadinhos de Feira de Santana dão conta de que quem defendia efusivamente o prefeito do município para uma vaga praticamente garantida ao Senado Federal, pode acabar ter que se contentar com os riscos da orfandade política. Porque não precisa ser um especialista em matéria de política para saber que tudo que um homem como José Ronaldo não quer é perder o protagonismo de comandar politicamente um grupo político que está a mais de vinte anos no poder. Ocorre que com a primeira prisão de Geddel, José Ronaldo praticamente passara a ser a segunda maior liderança da oposição na Bahia, mesmo tendo em seu calcanhar um vice-prefeito liderado exatamente por Geddel, que ainda mantinha seu protagonismo dentro do PMDB baiano, junto com o irmão, o deputado federal Lúcio Vieira. Os riscos para o prefeito ainda eram mensuráveis, porque não havia ainda a historia de sobrarem espólios para alguém, no caso Colbert Martins. Com a descoberta de um valioso tesouro de…

Não se governa uma democracia com a força das armas

Por Genaldo de Melo Em toda e qualquer sociedade quando um grupo específico que forma o seu corpo social coordena o governo, os resultados são desastrosos, e essa mesma sociedade passa a ser um regime de exceção, simplesmente porque quem governa deixa de ser governo para todos e passa a ser o governo de um grupo específico de interesses.
Esses governos nascem da existência de crises políticas e distúrbios institucionais, e como sempre se comprovou historicamente eles não servem para nenhuma sociedade, exatamente porque a sociedade é formada por muitos outros grupos de interesses, que podem naturalmente quando se mobilizar politicamente serem eliminados pelo grupo que governa, principalmente quando o grupo governante tem a força das armas.
O caso mais emblemático e conhecido em nossa sociedade foi o governo da ditadura militar de 21 anos, que transformou o país exatamente num regime político de exceção, porque quando um determinado setor da sociedade não concordou com as posturas política…

O fenômeno Lula e a síndrome política de Protusco

Por Genaldo de Melo Metaforicamente falando, o grande problema de algumas pessoas que acham que têm muitas luzes é achar que toda escuridão é cega. Pensam alguns formadores da opinião de que o Estado deve ser instrumento para poucos, que a base social que mais precisa do Estado como coisa em si é formada de gente que pode ser manipulada naturalmente a partir dos instrumentos de comunicação, principalmente da imprensa tradicional aliada da direita brasileira.
Defender a idéia nas entrelinhas, que mesmo numa democracia em frangalhos como a nossa, que o voto de quem não ocupou uma cadeira na universidade, ou mesmo não teve a condição de ler um livro de história, seja diferente daquele voto do cidadão proprietário dos meios de produção nesse país, é o grande erro de grande parcela da elite política desse país.
O resultado está aí diante dos olhos de todos, pois quando a grande parcela dos formadores de opinião da direita brasileira tenta assassinar a reputação do ex-presidente Lula, ele natu…

O mais novo hiperbóreo brasileiro veio de Minas Gerais

Por Genaldo de Melo Por mais que se queira acreditar na narrativa de que todos os setores políticos do judiciário brasileiro, principalmente no STF, no Ministério Público Federal e no “Supremo Tribunal de Curitiba”, queiram combater e acabar com a corrupção no país, repetindo seus discursos de passar o Brasil à limpo,  a pulga sempre vai ficar atrás da orelha pelos mais bizarros fatos reais.
Enquanto qualquer indivíduo que tem prisão decretada, quando vai para Curitiba basta falar no nome de Lula em suas famosas delações premiadas para ter suas penas reduzidas, indivíduos envolvidos nas mais cabeludas situações criminosas do ponto vista da lei (com provas) parece que ficam esquecidos, como se fossem hiperbóreos nietzschianos.
O caso mais bizarro que faz com que não acreditemos nesse barulho de combate à corrupção, como por exemplo a Lava Jato como a maior operação de combate à mesma, é a situação do senador mineiro Aécio Neves. São delações, inquéritos, denúncias e sentenças para todo mu…

O desafio de Ciro Gomes de ficar calado

Por Genaldo de Melo Se tem um político no Brasil que sempre sonhou em ser Presidente da República, mas com suas trapalhadas verbais pelo visto nunca vai chegar ao cumprimento do sonho, este se chama Ciro Gomes. Cada vez que se aproxima de um cavalo que está bem perto de uma sela ele “chuta o pau da barraca”.
A pior esquisitice que ele fez nos últimos tempos para (não se sabe como) se promover politicamente foi atacar Lula como se o mesmo fosse um grande inimigo, quando sempre estiveram juntos. Talvez na escalada da narrativa de Lula não poder ser o representante da esquerda nas urnas em 2018, o melhor nome poderia ser exatamente Ciro Gomes.
Mas pelo visto com sua língua ferina, ele mais uma vez espanta o próprio cavalo que poderia inclusive já vim selado, porque quando ele ataca exatamente o homem que mais cresce nas pesquisas, e que no olho do furacão enfurecido da direita brasileira, da imprensa tradicional e do judiciário político, pode não ser candidato, ele perde as vozes que podem …

O incrível silêncio de ACM Neto diante do escândalo dos R$ 51 milhões atribuídos à Geddel

Por Genaldo de Melo (Imagem: Brasil247) ACM Neto (DEM) simplesmente se calou diante do maior escândalo da história política brasileira, que foi o tesouro encontrado de R$ 51 milhões em espécie em apartamento do assessor de Geddel, Gustavo Ferraz, ex-candidato derrotado nas últimas eleições a vice-prefeito em Lauro de Freitas com apoio do próprio prefeito de Salvador, em um prédio da família do deputado federal do DEM, Paulo Azi.
Pela magnitude do espetáculo das malas de dinheiro sendo contadas por várias máquinas durante 14 horas seguidas pela Polícia Federal, um sujeito que se coloca como representante dos setores da sociedade baiana que defendem uma mudança de rumo político na Bahia, como ACM Neto, deveria pelo menos opinar sobre o feito inédito de seu grande aliado, que é Geddel.
Mas ele não tratou em nenhum momento sobre esse assunto terrível e resolveu excursionar pelo interior da Bahia em campanha aberta com seu outro aliado, o prefeito de Feira de Santana, que também que ser senado…

Grande oportunidade: Inscrições abertas para o Prêmio Nestlé Criando Valor Compartilhado

Por Genaldo de Melo Organizações brasileiras podem enviar propostas para o Prêmio Nestlé Criando Valor Compartilhado, que esse ano é realizado pela Nestlé em parceria com a Ashoka. A proposta do Prêmio é reconhecer e apoiar iniciativas inovadoras que buscam solucionar desafios relacionados à água, à nutrição ou ao desenvolvimento rural. Dentre os benefícios do vencedor, está o prêmio de 400 mil coroas suíças, cerca de 1 milhão e 300 mil reais. Para se candidatar as organizações devem ter uma ideia comprovadamente testada por meio de um piloto ou empreendimento. Ela de ter potencial para ganhar escala e ser replicado em outras comunidades ou configurações; ser promissora para gerar impacto social substancial por meio da melhoria do acesso à nutrição, do desenvolvimento rural ou tendo um significativo impacto na gestão dos recursos hídricos ou no acesso à água potável; e ser construída em um modelo de negócios sólido e viável. As candidaturas para o Prêmio podem ser enviadas em português…

A pavorosa certeza de efeito manada que incomoda Brasília com a prisão de Geddel

Por Genaldo de Melo A impiedosa quadrilha de ímpios que assaltaram o poder em Brasília está com as barbas de molho com a pavorosa certeza de que com a sua prisão o chorão e bem arrumado financeiramente (como mostraram as malas de dinheiro vivo) Geddel Vieira Lima possa arrebentar com a vida política de quase todos eles, que estão por enquanto transitando pelos corredores nada religiosos da capital do país.
Mesmo que uma latente certeza esteja impregnada no ar de que qualquer cidadão, ou mesmo bandido que denuncie Aécio Neves ou Michel Temer, possa terminar sendo preso, uma coisa não pode deixar de ser verdade, Geddel não vai terminar seus dias sozinho numa cadeia, principalmente por sua grande fama de boquirroto.
Mil de cada mil cidadãos que acompanham as coisas do mundo político sabem muito bem que os R$ 51 milhões encontrados naquele apartamento em Salvador vai naturalmente respingar no atual mandatário do Palácio do Planalto, porque eles todos são conhecidos juntos como o PMDB da Câma…

Sem a participação do povo não tem reforma política

Por Genaldo de Melo Sem uma reforma política que tenha a participação efetiva do povo, e com a estrutura partidária que temos aonde somente tem espaço quem já é cacique ou quem é filho de cacique, não teremos uma mudança política nunca no Brasil nos moldes que sonha o próprio povo. A corrupção sempre vai cantar mais alto e sempre os piores vão se eleger, porque quem é bom ou cria um partido (o que é praticamente impossível) ou se adapta às regras de quem manda.
A prova mais cabal de que da forma como as coisas estão, e que sempre foram, de que a política brasileira não vai por enquanto mudar, são os novos membros dos partidos políticos considerados de direita no Brasil que vencem eleições com discursos de mudança, de nova forma de fazer política, de em vez de políticos serem gestores, mas que na prática se revelam piores do que as velhas raposas.
O grande exemplo do momento de que na política o discurso do novo é apenas para enganar os cidadãos despolitizados e vencer as eleições, chama-…

FHC entre o cinismo republicano e uma candidatura agregadora

Por Genaldo de Melo Nunca foi tão fácil contestar intelectual e politicamente o PSDB, que conspirou e executou em conjunto com as forças sem votos a derrubada da presidente Dilma Rousseff, eleita democraticamente nas urnas, como nesse momento em que a Brasil destroçou-se política e economicamente, coordenado pelo então desligado da realidade Michel Temer, apoiado religiosamente pelos próprios tucanos.
Mas parece que com tantos problemas e escândalos desse governo formado também pelos tucanos, a única pessoa que não quer enxergar essa realidade é exatamente o grande mestre de todos eles, que é Fernando Henrique Cardoso. No auge da sua idade bem avançada ele está se esquecendo que foi Presidente da República por duas vezes, e isso não permite que fique cometendo gafes intelectuais.
Em seu mais recente artigo de opinião no Estado de São Paulo ("Uma candidatura agregadora"), ele parece que está delirando, ou então sua capacidade de raciocínio não está lhe ajudando nas avaliações pa…

A vergonha da Ministério da Cultura

Por Genaldo de Melo Lançado com o estardalhaço que a imprensa sempre faz com as grandes produções cinematográficas, o filme sobre a Operação Lava Jato não parece cumprir o papel que deve ser desempenhado pelo mundo das artes, especialmente o cinema. Confesso que não vou perder meu tempo para ocupar uma cadeira num cinema para assistir ao mesmo, porque como não tenho resistência à raciocínio não considero o filme uma obra de arte, mas uma peça feita para servir de instrumento de propaganda política simplesmente contra a esquerda brasileira. Pode até ser que alguém com a sagrada inteligência de quem somente enxerga a corrupção de alguns cafajestes da esquerda, diga que minha atitude é coisa de um radical. Mas não posso considerar arte perseguir apenas o PT e aliados, e esconder embaixo do tapete a sujeira inerente aos partidos de Aécio Neves, Michel Temer, Romero Jucá e outros bichos peludos. Além do mais transformar em verdadeiros heróis juízes de primeira instância e membros do Ministér…

O novo vexame internacional de Michel Temer

Por Genaldo de Melo
Vergonhosamente Michel Temer, o “boca de envelope amassado” está prestes a mais uma vez dá um vexame internacional como representante do Brasil. Escandalosamente ele vai ficando aos poucos na história do Brasil como o Presidente da República que mais vexames internacionais tem causado, e ao mesmo levando junto o nome do nosso próprio país.
Como a sua situação não é nada boa do ponto de vista jurídico, correndo o sério risco de se ver já no início da próxima semana envolvido em uma nova denúncia, feita pelo Procurador-geral da República, Rodrigo Janot, por obstrução de justiça e participação em organização criminosa, ele planeja abandonar a cúpula dos BRICS, como já fez em diversos fóruns internacionais.
O problema é que ele dessa vez corre maior risco de traições do que antes, comprovando o que todo mundo já sabe, ou seja, ele não tem grupo político e não sabe mesmo construir processos e articulações políticas, apenas usa a máquina pública unicamente em seu favor.
Vem …

Vida longa à FETAG-BA!

Por Genaldo de Melo Hoje 1º de setembro a FETAG-BA completa 54 anos de existência, resultado de muito trabalho, de muita luta e de muitas vitórias em favor dos trabalhadores e trabalhadoras rurais da Bahia. Esta entidade madura, entretanto, tem suas raízes ainda nos anos 30 do século passado quando Joaquim Cunha Filho fundou o primeiro sindicato de trabalhadores/as rurais do Brasil, em Pirangi, Distrito de Ilhéus, hoje município de Itajuípe, Sul do Estado da Bahia.
Este sindicato viria a ser fechado por Getúlio Vargas em 1937 como resultado de uma política repressiva contra os movimentos de lutas em defesa dos direitos dos trabalhadores no Brasil naquela época. A repressão que se seguiu não impediu que militantes do Movimento Social continuassem suas inserções pelo Sul do Estado da Bahia, na reorganização do movimento sindical rural. Merece destaque os bravos Carlos Friederick, Arlindo Ambrósio, Nelson Schauen, Humberto Vita e Dilermano Pinto Souza.
Não demora muito, e em 1952 é fundado …

O filibuster político de Temer ainda pode continuar

Por Genaldo de Melo
Enquanto o “Boca de Envelope Amassado” que acha que governa o Brasil, Michel Temer (porque não governa, ele engana aos brasileiros de que é governo), fica passeando pelo mundo dizendo que está discutindo a vinda de investimento para o Brasil, gastando rios de dinheiro público com hotéis de luxo, com por exemplo diárias de mais de R$ 47 mil em hotel de Lisboa, sua batata continua assando aqui pelos corredores de Brasília.
Mesmo que uma nova denúncia de Rodrigo Janot, agora por obstrução de justiça e participação em organização criminosa, corra o risco de ser congelada dentro do STF como desconfia com razão a jornalista Tereza Cruvinel, pois pode ser que a delação de Lúcio Funaro seja tratada como coisa sigilosa, o “Boca de Envelope Amassado” mesmo assim continua em seu eterno filibuster político de cai ou não cai logo.
O tinhoso humano que alardeou nas suas redes sociais que vai trazer bilhões de um investidor do Cazaquistão para a Bahia (tudo bourrage de crâne, porque…