Quem autorizou a entrada da revista Veja na solitária de Lula?


Por Genaldo de Melo
Há quase um mês Lula como preso político nas dependências da Policia Federal de Curitiba, sem a possibilidade de conversar com ninguém, além de seus advogados e familiares, notícias dele a sociedade brasileira só tem a partir destes.

Depois de várias tentativas de visitas feitas por amigos, por lideranças políticas e sindicais, por artistas e intelectuais, e até mesmo por um Prêmio Nobel da Paz, sem conseguir, somente agora pela primeira vez conseguiram isso, Jacques Wagner e Gleisi Hoffmann.

Diante de tudo isso, surge um grande mistério que precisa ser desvendado, e bem explicado à sociedade brasileira. Se ninguém pode visitar e saber de Lula, como explicar então que a revista Veja saiba da rotina dele dentro da prisão?

É isso mesmo! A revista Veja que sai na bancas hoje (04/05) conta com detalhes a rotina de Lula. Ela sabe que à esquerda do elevador do terceiro andar tem um agente com uma espingarda calibre 12, sabe que ele liga a televisão de manhã para ver o noticiário, sabe de uma mesa redonda, sabe toda a rotina do homem desde às sete horas da manhã, e conta inclusive uma coisa que Lula fora da cadeia não fazia.

Lula tem diabetes mas não tomava insulina, o que é do conhecimento de todos, mas a revista Veja afirma que ele toma todos os dias uma dose desse remédio. O que se infere que a revista teve acesso onde ninguém consegue.

Se a revista não estiver mentindo para ocupar espaços de opinião na sociedade, então tem alguma coisa de criminoso nessa história. Quem foi que autorizou a Veja a entrar no andar da solitária de Lula para obter essas informações? 

A outra pergunta que não quer se calar: se Lula não tomava insulina, será que estão dando de fato insulina para sua diabetes?

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A manipulação grosseira da Globo do Dia do Trabalho

ACM Neto pode não ser mais candidato nas próximas eleições na Bahia

Sem Lula cidadãos conscientes continuam preferindo Manuela