O homem não ganha mais nem prá vereador mas quer ser senador

Por Genaldo de Melo
A imagem pode conter: 1 pessoa, terno
A política tem umas coisas que aos olhos dos cidadãos comuns parecem incompreensíveis, como no caso da insistência do deputado federal Irmão Lázaro (PSC) em ser candidato a qualquer custo ao Senado Federal. Segundo ele argumentou no Programa Seis em Ponto da Rádio Metrópole não é um projeto pessoal e se José Ronaldo o preterir da chapa (por exigência de Jutahy Magalhães - PSDB), ele seguirá seu caminho sozinho, porque “essa eleição para o Senado não é um projeto meu, é um projeto muito maior que está sendo orquestrado pelo senador Magno Malta, pelos irmãos da igreja. Não é um projeto pessoal”. Provavelmente José Ronaldo e Jutahy devem querer ele longe do seus projetos porque sabem que este rapaz, que deveria ter sido deputado federal e não deputado decorativo, não ganha mais nem mesmo eleições para vereador em Feira de Santana, onde teve mais de vinte e cinco mil votos e não fez absolutamente nada pelo povo feirense. A insistência deve esconder outra coisa...!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A manipulação grosseira da Globo do Dia do Trabalho

ACM Neto pode não ser mais candidato nas próximas eleições na Bahia

Sem Lula cidadãos conscientes continuam preferindo Manuela